Acesso ao sistema de distribuição

Com o objetivo de proporcionar maior comodidade aos nossos clientes e agilidade ao processo, disponibilizamos as principais etapas a serem cumpridas na solicitação do acesso ao sistema elétrico de média tensão (MT) e alta tensão (AT), na modalidade carga, gerador ou autoprodutor.

Para acesso as instalações pertencentes às DITs – Demais Instalações da Transmissão (138 e 88 KV), o processo de acesso é conduzido pelo ONS. Por isso, você deve seguir os Procedimentos de Rede disponíveis no site do ONS, Operador Nacional do Sistema Elétrico.


Realize uma Consulta ou Solicitação de Acesso

As consultas ou solicitações de acesso devem ser enviadas, exclusivamente, para atendimento.personalizado@elektro.com.br.

No assunto do email você deve informar: município em que se localiza a unidade consumidora e o nome do cliente. O seu email será respondido com o nº do protocolo que foi gerado, com o qual você poderá acompanhar o pedido.

Caso ocorra a falta de documentação, um email será enviado com o apontamento da necessidade de regularização.

Acompanhe seu pedido

Para acompanhar a evolução das suas solicitações utilize o número do código ou do protocolo de atendimento. Clique aqui e consulte.

Etapas do processo de acesso

  • Modalidade Carga

É a modalidade na qual o consumo de energia provém exclusivamente do nosso sistema elétrico, ou seja, não existem outras formas de geração de energia no interior da unidade.

Consulta de acesso

Para conexão na Modalidade Carga, a etapa de Consulta Preliminar é opcional. Ela pode ser utilizada para que você conheça os possíveis pontos de conexão em relação à sua localização e avalie os custos estimados e prazos para implantação das instalações de conexão. A indicação de um ponto de conexão de interesse é opcional.

Informação de acesso

Em resposta à Consulta Preliminar, nós emitimos o documento indicando a(s) alternativa(s) e o ponto de conexão recomendado para que você possa avaliar, endossar e formalizar a solicitação de acesso. Para Consulta Preliminar em Média Tensão, será informado o porte das obras estimadas para conexão.

Solicitação de Acesso

Após a definição e concordância sobre o ponto de conexão, você deverá formalizar a Solicitação de Acesso. Para isso, devem ser apresentados os estudos pertinentes ao acesso, a depender do montante de demanda que será contratado e do nível de tensão da conexão.

Parecer de Acesso (Clientes Livres) ou Relatório Técnico (Clientes Cativos)

Após a formalização da Solicitação de Acesso, emitiremos o Parecer de Acesso para Clientes Livres ou o Relatório Técnico para Clientes Cativos. Esses documentos definem os requisitos de sua responsabilidade e os eventuais reforços de nossa responsabilidade, além dos respectivos prazos de implantação e eventuais custos de participação do cliente.

Ligação Nova e Aditamento em Média Tensão

Para acessar a solicitação de ligação nova ou aditamento em Média tensão, clique aqui.

Assinatura de Contratos

Após a emissão do Parecer de Acesso, você a Elektro deverão celebrar os contratos CUSD e CCD dentro dos 90 dias, prazo de validade do documento.

Apresentação e Aprovação de Projetos

Depois da assinatura dos contratos, você poderá iniciar a etapa de apresentação dos projetos das instalações, que serão implantadas sob sua responsabilidade. Após a aprovação dos projetos, você poderá solicitar as Especificações Técnicas para iniciar a compra de materiais e programar a implantação das instalações.

  • Modalidade Geração ou Autoprodutor

É a modalidade na qual a fonte de geração de energia elétrica interna da planta opera em paralelo com o nosso sistema, podendo utilizá-la para suprir parte da carga ou mesmo para exportação de excedentes para o sistema elétrico.

Participação de Leilões do Ambiente de Contratação Regulada – ACR

Para usinas que pretendem participar dos Leilões no Ambiente de Contratação Regulada - ACR da ANEEL, foi instituído o Documento de Acesso para Leilão – DAL, que tem como objetivo atestar o empreendedor sobre a viabilidade de conexão da usina ao sistema elétrico.

Consulta de Acesso

Caso a usina precise de outorga ou ato autorizativo para realizar a conexão de geração em paralelo com o sistema elétrico, a etapa de Consulta de Acesso é obrigatória. Dessa forma, nós podemos emitir a Informação de Acesso que fará parte do material solicitado pela ANEEL.

A etapa de Consulta de Acesso é opcional quando a Central Geradora não participar do leilão em que há necessidade apenas de registro. A indicação de um ponto de conexão de interesse é opcional.

Informação de Acesso

Em resposta à Consulta de Acesso, nós emitiremos a Informação de Acesso, que indica o ponto de conexão recomendado, bem como as instalações de interesse restrito da central geradora. Dessa forma, você poderá avaliar e custear as instalações necessárias para a conexão da usina.

Solicitação de Acesso

Após a emissão do ato autorizativo ou outorga pela Aneel, a usina encaminha a carta de formalização da Solicitação de Acesso acompanhada dos estudos de integração do empreendimento ao sistema elétrico, para que nós possamos emitir o Parecer de Acesso.

Parecer de Acesso

Para emissão do Parecer de Acesso, avaliaremos a necessidade de consulta, junto ao ONS ou outras empresas e, se necessário, solicitar a avaliação dos impactos decorrentes do acesso pleiteado. Com base nos estudos apresentados e nas demais avaliações, o Parecer de Acesso é emitido indicando os requisitos de sua responsabilidade e os eventuais reforços de responsabilidade da distribuidora, bem como prazos e eventuais custos para implantação.

Assinatura de Contratos

Após a emissão do Parecer de Acesso, nós deveremos celebrar os contratos CUSD, Contrato de Uso do Sistema de Distribuição e CCD, Contrato de Conexão ao Sistema de Distribuição, dentro de 90 dias, prazo de validade do documento.

Apresentação e Aprovação de Projetos

Depois da assinatura dos contratos, você poderá iniciar a etapa de apresentação dos projetos das instalações, que serão implantadas sob sua responsabilidade. Posteriormente a aprovação dos projetos, você poderá solicitar as Especificações Técnicas dos materiais e equipamentos para iniciar o processo de compra e programar a implantação das instalações.

As principais resoluções vigentes que estabelecem as condições de acesso são:

  • Revisão 7 do Modulo 03 do PRODIST estabelecido pela Resolução Normativa Nº 724, de 31 de maio de 2016;
  • Resolução Normativa Nº 414/2010 – Condições Gerais de Fornecimento de Energia Elétrica;
  • Resolução Normativa Nº 506/2012 - Estabelece as condições de Acesso à rede da distribuidora.

Modalidade Carga

Para essa modalidade, você pode utilizar os formulários de Informações para Fornecimento de Energia e Aumento de Demanda da norma ND.20, conforme o caso.

  • ND.20-F-001 - Informações para Fornecimento de Energia Elétrica - Ligação Nova e Religação sem Aumento de Demanda;
  • ND.20-F-002 - Informações para Fornecimento de Energia Elétrica - Aumento de Demanda e Inserção de Novas Cargas;
  • ND.20-F-003 - Informações para Fornecimento de Energia Elétrica - Aumento de Demanda Devido a Recuperação de Demanda.


Clique aqui para acessá-los.

Modalidade Gerador e Autoprodutor de Energia

Para essas modalidades, os formulários de Consulta e Solicitação de Acesso são:

  • F-PLA-005 – Formulário para Consulta de Acesso de Geradores
  • F-PLA-007 – Formulário para Solicitação de Acesso de Geradores


Neles, além dos dados relativos à carga, você também encontra os campos para preenchimento com os dados do(s) gerador(es).

Clique aqui para acessá-los.

Formulário para Participação de Agentes em Leilões de Energia - DAL

Para participar dos leilões de energia promovidos pela Aneel, é necessário a emissão do DAL – Documento de Acesso para Leilão, incluído o Módulo 03 do PRODIST. Ele tem o objetivo de sinalizar a viabilidade de conexão do agente gerador e indicar os possíveis pontos para sua conexão ao sistema elétrico de distribuição.

Para solicitar o DAL, clique aqui e preencha o formulário.

Conheça os documentos que devem ser utilizados em cada etapa do processo de Solicitação de Acesso. Para acessá-los, clique aqui.

Pedido do Documento de Acesso para Leilão – DAL

  • Carta do Acessante para solicitação do DAL;
  • Formulário: Solicitação de DAL.


Consulta de Acesso

Para a  ocasião  da  solicitação  de  acesso,  o  acessante  deve apresentar, adicionalmente, um dos seguintes documentos:

  • Contrato de concessão ou permissão, no caso de acessante do tipo distribuidora;
  • Ato de outorga e parecer do ONS contendo a modalidade de operação da usina, conforme o Módulo 26 dos Procedimentos de Rede, no caso de acessante do tipo central geradora que não está dispensada de concessão, autorização ou permissão do poder concedente;
  • Ato autorizativo emitido por órgão competente para importação ou exportação de energia, no caso de acessante do tipo agente importador ou exportador.

Solicitação de Acesso

  • Carta do Acessante assinada por representante legal formalizando a Solicitação de Acesso;
  • Cópia do ato autorizativo ou outorga emitida pela ANEEL;
  • Estudos de integração conforme tabela de estudos;
  • F-PLA-007 – Formulário para Solicitação de Acesso de Geradores.


Apresentação e Aprovação de Projetos

  • Projeto básico e executivo das instalações, compreendendo os projetos elétricos, eletromecânicos e civis, aterramentos, estudos estruturais, estudos elétricos (proteção, coordenação de isolamento, proteção contra descargas atmosféricas, etc);
  • Autorizações dos proprietários de áreas ocupadas por redes e linhas;
  • Licenças, tais como, Licença Prévia, Licença de Instalação e Licença de Operação;
  • Certificado de Dispensa de Licenciamento Ambiental – CDL;
  • Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros – AVCB.

Para formalizar a Solicitação de Acesso, você precisa apresentar os seguintes estudos que farão parte da solicitação.

Nível de Tensão
MT (13,8 e 34,5 KV)
AT – 69 KV 88 KV e 138 KV
Modalidade
Carga
Gerador
Carga
Gerador
Estudo de Proteção Necessário Necessário Necessário Necessário
Estudo de Curto-Circuito Necessário Necessário Necessário Necessário
Estudo de Fluxo de Potencia Necessário Necessário
Estudo de Estabilidade Eletromecânica Eventual Necessário
Estudo de Transitórios Eletromagnéticos Eventual Eventual
Estudo de Qualidade de Energia Elétrica Eventual Eventual Eventual
Estudo de Comprimento de Arco Eventual

Observação: eventualmente poderão ser solicitados estudos complementares na ocasião da Solicitação de Acesso ou ainda na aprovação dos projetos das instalações.

Proteções mínimas em função da potência instalada

Equipamento Potência Instalada
< 10 kW
10 kW a 500(4)
> 500 kW(4)
Elemento de desconexão(1) Sim Sim Sim
Elemento de interrupção(2)   Sim       Sim      Sim
Trasformador de acoplamento   Não       Sim      Sim
Proteção de sub e sobretensão  Sim(3)      Sim(3)      Sim
Proteção de sub e sobrefrequência  Sim(3)      Sim(3)      Sim
Proteção contra desequilíbrio de corrente   Não       Não      Sim
Proteção contra desbalanço de tensão   Não       Não      Sim
Sobrecorrente direcional   Não       Não      Sim
Sobrecorrente com restrição de tensão   Não       Não      Sim